Escrito por Larissa Chinaglia

Quem não pensa em como será a vida daqui a alguns bons anos, não é mesmo? Mas para garantir tranquilidade financeira é importante ter um planejamento de aposentadoria.

Você sabia que o Brasil terá 43 milhões de idosos até 2031segundo a previsão do Ministério da Saúde?

E mesmo com essa previsão, 90% dos brasileiros com mais de 25 anos não poupam dinheiro para aposentadoria, segundo a pesquisa realizada pela Allianz.

6 em cada 10 brasileiros admitem que não estão se preparando para a aposentadoria, segundo uma pesquisa do SPC Brasil e da CNDL.

Agora vamos ser sinceros: empreendedor, você está se planejando para a aposentadoria?

Para você, pequeno empreendedor, um dos melhores benefícios de formalizar o seu negócio é a possibilidade de se aposentar – também – pelo INSS.

Por isso, ao longo desse conteúdo vamos te mostrar mais sobre como fazer seu planejamento de aposentadoria, mas também os motivos de sair da informalidade e virar um profissional MEI.

Vamos lá?

Antes de tudo, abra sua MEI (sua aposentadoria depende disso)

“MEI vale para a aposentadoria?”
SIM!

O primeiro passo para você ser um empreendedor e ter a sua aposentadoria garantida é formalizando a seu pequeno negócio.

Ao abrir um MEI, você passa a ter direito aos benefícios do INSS, como a aposentadoria.

Caso você ainda não saiba, você pode abrir a sua MEI de graça em poucos minutos no sofá de casa mesmo.

Você só precisa baixar o aplicativo MEI Fácil!

Além disso, você terá apenas três obrigações para conseguir sua aposentadoria MEI:

São apenas essas três obrigações que garantem não só a sua aposentadoria, como diversos outros direitos e benefícios.

Ah, mas vale mesmo a pena formalizar?

Vale sim! Formalizando seu pequeno negócio e abrindo uma MEI, você pagará por mês de R$ 56 a R$ 61 (em 2021). E terá acesso a diversos benefícios, como:

Benefícios INSS MEI

Benefícios INSS MEI

Como se aposentar com pelo MEI?

Você pode tirar suas dúvidas sobre aposentadoria MEI aqui!

Mas resumindo, você precisa ter 15 anos de contribuição (180 meses de contribuição da DAS), além da idade obrigatória, sendo 62 anos para mulheres e 65 anos.

E você já tem seu direito garantido!

Confira o vídeo abaixo:

Como fazer o seu planejamento de aposentadoria em 4 passos?

Mesmo sendo MEI, você quer garantir uma aposentadoria mais tranquila e com mais renda mensal? Então confira esse passo a passo!

Coloque suas finanças em ordem

Antes de começar a juntar dinheiro para sua aposentadoria, tenha certeza que suas finanças estão em ordem.

Você sabia que, segundo pesquisas, 48% dos brasileiros não controlam o próprio orçamento?

Se você não sabe o quanto você ganha e o quanto você gasta – na vida pessoal e na sua MEI – você não está pronto para o próximo passo.

Controle financeiro pessoal: dicas para cuidar melhor do seu dinheiro

Para garantir o controle das suas finanças, você precisa:

planilha de gastos para MEI

Saiba quanto você precisa ter por mês

Pense o quanto de dinheiro é necessário para você viver por mês. Pense em um número justo, que englobe suas despesas fixas e variáveis.

Leve em consideração se você terá alguma renda também. Você pode transformar a sua MEI em uma empresa familiar, transferir essa responsabilidade para outra pessoa, e ter a aposentadoria como única fonte de renda.

Mas, às vezes, você pode ter algum imóvel para alugar ou até opte em manter o seu negócio funcionando, por exemplo, e assim terá outras fontes de renda para viver a terceira idade com mais segurança financeira.

Pense com quantos anos você deseja se aposentar

Essa informação é importante para você por quantos anos e o quanto por mês você terá que juntar dinheiro.

Por exemplo, se você tiver 25 anos e deseja se aposentar com 60, você tem pelo menos 35 anos para acumular um valor e investi-lo – assunto dos próximos tópicos.

Calcule o quanto você precisa poupar

Vamos a um exemplo simplificado: digamos que você tem 25 anos e quer se aposentar aos 60 com uma renda complementar de R$ 2 mil (além do valor do INSS).

Se considerarmos uma expectativa de vida de 80 anos, você precisa de um investimento que renda R$ 3 mil mensais durante 20 anos após 35 anos de aplicação — ou um total de R$ 480 mil disponíveis.

De acordo com a calculadora do Banco Central, seria preciso fazer aportes mensais de R$ 431,29 em um investimento que renda 5% ao ano acima da inflação para alcançar esse patrimônio (sem descontar o Imposto de Renda)

A nossa dica é você acessar o blog vizinho, Foca No Dinheiro da Neon, e por lá descobrir qual é o melhor investimento para a sua aposentadoria.

O que é Educação Financeira e quais as dicas para o MEI

Como aumentar a renda para investir na aposentadoria?

Descobriu que precisa ganhar mais dinheiro garantir que o planejamento de aposentadoria saia conforme o esperado?

Então separamos algumas dicas para te ajudar!

Invista em estratégias de vendas

Aqui no blog da MEI Fácil, nós temos diversas dicas de como você pode melhorar as suas vendas – se inscreva na nossa newsletter para receber toda semana por e-mail nossos conteúdos.

Um primeiro passo pode ser desenvolver um funil de vendas, e otimizar as estratégias de cada etapa da trajetória do seu cliente: do momento que ele conhece a sua marca até comprar com você!

Você também pode investir na divulgação da sua marca em outras redes sociais, como o TikTok e o Pinterest.

E não esqueça que o pós-venda é essencial para garantir a fidelização dos seus clientes.

Venda para novos públicos

Você está estudando quem é o seu público-alvo?

Muitas vezes os seus produtos e serviços podem ser oferecidos para outras pessoas, completamente diferentes, e você não está aproveitando essa oportunidade.

Por exemplo, você é fotógrafo e precisa ampliar suas vendas.

Já pensou em fazer promoções especiais para quem é da comunidade LGBTQIA+ para garantir um lucro maior?

Você vende doces e está buscando uma forma de vender mais?

Faça uma parceria com um restaurante, por exemplo.

Aprenda a economizar

Você precisa descobrir como economizar. Não apenas na sua vida pessoal, mas também no seu pequeno negócio.

Comece a negociar com fornecedores, por exemplo. Quem sabe você não economiza um bom dinheiro e aumenta sua margem de lucro?

Também tenha certeza que não está pagando taxas MEI que são, na verdade, gratuitas!

Certifique-se que está cobrando o preço justo

Saber precificar os seus produtos e serviços é importantíssimo para garantir o sucesso do seu negócio.

Temos um conteúdo que pode te ajudar com isso: Como precificar um produto – aprenda a fazer o cálculo

Vamos sair da estatística de 90% de brasileiros que não poupam, e começar a fazer o seu planejamento de aposentadoria o quanto antes?

Se tiver dúvidas, já sabe! Nos procure no Grupo MEI Fácil.

Também se inscreva na TV MEI Fácil e acompanhe as redes sociais para não perder nenhuma novidade: Instagram e Facebook.