Será que vale a pena aprender como montar uma loja de artigos esportivos? Pode ser esse um bom negócio para empreender?

Se você está cogitando iniciar esse tipo de empresa, temos boas notícias. Este pode ser, sim, um negócio lucrativo.

Inclusive, dá até para ser MEI e vender artigos esportivos, aproveitando todos os benefícios de se formalizar como microempreendedor individual.

Tenha em mente que, hoje, as pessoas estão cada vez mais conscientes de que fazer atividade física é importante para a saúde do corpo e da mente. E isso serve de estímulo para o consumo de produtos nesse setor.

Mas, atenção: sempre há um mar de concorrentes em busca de uma boa oportunidade de mercado como essa, o que exige planejamento e estratégia ao montar sua loja.

Este conteúdo vai ajudar com dicas e todas as informações que você precisa saber.

Acompanhe até o final!

Como montar uma loja de artigos esportivos: passo a passo

Como está a motivação para descobrir como montar uma loja de artigos esportivos de sucesso? Nas alturas?

Ela será uma etapa importante para tirar a ideia do papel.

Confira, então, o passo a passo abaixo e comece a planejar o seu próximo negócio.

1. Plano de negócios

Este é o primeiro e um dos passos mais importantes para ter uma loja de artigos esportivos — e não poderia ser diferente.

Afinal, é esse documento que vai prever como será a empresa, sua estrutura, mercado onde irá atuar, canais de venda, público que deseja alcançar, etc.

Um bom plano de negócios cuida da estratégia para fazer dar certo e ajuda o empreendedor na tomada de decisões importantes.

Para saber mais, leia o nosso artigo sobre como fazer um plano de negócios.

2. Formalização

Como a gente destacou lá no início, esse é um mercado promissor, mas muito concorrido. Atuar de maneira informal, como autônomo, reduz bastante as suas chances de sucesso.

Para a empresa começar a funcionar de verdade, você precisa de um CNPJ.

Hoje em dia, com o avanço do MEI, abrir uma empresa ficou muito fácil — dá para começar de graça e pela internet.

Então, não há razão para não se formalizar.

3. Escolha de produtos

Uma loja de artigos esportivos pode vender uma grande diversidade de produtos, desde itens genéricos (como tênis e roupas), até outros específicos, como raquetes de squash ou um bloco de partida para atletismo.

Então, a escolha dos itens a vender deve ser muito bem planejada, pensando nas características do público que deseja alcançar.

Quem está iniciando costuma fazer um investimento menor e apostar em artigos mais populares, como acessórios fitness ou para futebol.

Vai abrir uma loja de roupas? Saiba como começar!

4. Decidir entre loja física ou online

Aqui está outra decisão estratégica. A escolha por vendas online pode ser a mais rápida e econômica para começar, ainda que não crie a sua própria loja virtual.

Hoje, é possível vender em marketplaces, sites de vendas e até nas redes sociais.

Confira ideias do que vender pela internet e como ter sucesso.

Porém, se você está decidido por uma loja física, a dica é fazer um estudo de viabilidade para achar o local ideal.

Nessa escolha, considere o bairro e procure uma sala com um bom espaço para expor seus produtos.

5. Estrutura e equipamentos da loja

Ainda que queira uma loja simples, o espaço deve ter a estrutura mínima.

Falando em loja física, você vai precisar de:

  • Balcão e caixas de atendimento;
  • Opções de pagamento, como máquina de cartão de crédito;
  • Provadores;
  • Local de exposição dos produtos, como vitrines, prateleiras e estantes;
  • Depósito.

Se deseja vender online, a dica é ler o nosso guia para se destacar no e-commerce.

6. Definir fornecedores

Pesquise e se informe sobre distribuidores de artigos esportivos que atendem à sua região.

O ideal é que esteja o mais próximo possível da loja para evitar riscos com entregas atrasadas e ter menos gasto com transporte.

E o mais importante: investigue se a empresa é confiável, preza pela qualidade e cumpre os prazos.

Saiba aqui como encontrar fornecedores para o seu negócio.

7. Formação da equipe

Quanto maior for a estrutura da sua loja, mais você vai precisar de um bom time dando suporte.

E não estamos falando apenas da equipe de vendas, já que o negócio também tem demandas de estoque, administrativas e financeiras, por exemplo.

Sendo assim, é importante que esse time seja capacitado e bem orientado. Conhecer detalhes dos produtos que vende e oferecer um bom atendimento ao cliente são requisitos básicos.

Até se você se formalizar como MEI, pode ter um funcionário.

Aliás, veja aqui qual o custo de um funcionário para o MEI.

8. Estratégia de divulgação

Para o seu negócio crescer, é importante que você faça um bom planejamento de divulgação.

Se a loja for física, pense em um evento no dia da inauguração e convide as pessoas.

Nos dias anteriores, distribua folhetos nas redondezas, apresentando a loja e comunicando sobre a abertura.

As redes sociais são outro ótimo canal de divulgação e servem também se a sua loja for virtual. Compartilhe as publicações com o máximo de pessoas que conseguir.

E não esqueça de caprichar nas fotos e vídeos dos produtos para chamar atenção de possíveis clientes.

Veja como tirar fotos de produtos para vender!

MEI pode ter loja de artigos esportivos?

O MEI é o menor formato de empresa do país, pensado para a formalização de trabalhadores autônomos.

Ser microempreendedor individual é uma boa escolha porque, além de ser simples e de baixo custo, dá acesso a benefícios previdenciários, como auxílio-doença, salário-maternidade e aposentadoria.

Conheça as principais vantagens de ser MEI.

E sim: tem como montar uma loja de artigos esportivos sendo MEI. Essa ocupação consta na lista de atividades permitidas ao microempreendedor individual.

Basta informar o código CNAE 4763-6/02, que é referente a comerciante de artigos esportivos.

Entenda o que é CNAE e por que você precisa dele.

Como abrir uma MEI de artigos esportivos?

O processo para abrir uma MEI como comerciante de artigos esportivos é bastante simples, online e totalmente gratuito.

Siga estas etapas para tornar sua vida ainda mais fácil:

  • Baixe o aplicativo MEI Fácil por Neon;
  • Cadastre seus dados pessoais;
  • Cadastre os dados da empresa;
  • Informe o endereço completo de onde será a MEI;
  • Finalize com a verificação final — insira o número do recibo da sua declaração do Imposto de Renda ou o número do Título de Eleitor.

Banner com CTA para abrir a conta MEI Fácil por Neon

Pronto para dar início à sua loja de artigos esportivos?

Inscreva-se também na TV MEI Fácil e acompanhe as redes sociais para não perder nenhuma novidade: Instagram e Facebook.