É bem provável que você já tenha ouvido falar do novo meio de pagamento instantâneo, o Pix. Mas, você já se perguntou se vale a pena vender com Pix na sua empresa? Para responder essa pergunta, continue com a gente!

O Pix foi lançado em novembro de 2020, se pararmos para pensar, são apenas 6 meses de existência. Mesmo assim, ele já representa 78% de todas as transações bancárias do Brasil, segundo dados do Banco Central.

Ou seja, o Pix tornou-se um sucesso entre os brasileiros e está ganhando cada vez mais espaço nas formas de pagamento oferecidas pelas empresas.

Mas, será que vale a pena vender com Pix?

Para te ajudar a encontrar essa resposta, fizemos um comparativo entre Pix, TED, boleto de cobrança e maquininha de cartão. Vem com a gente e coloque o seu negócio para decolar!

Vale a pena vender com Pix?

Quando falamos das diferentes formas de pagamento que o empreendedor pode oferecer no negócio, as mais tradicionais são:

Com a chegada do Pix, elas continuam existindo e, com certeza, ainda desempenham um papel importante nas vendas do MEI. Afinal, quanto mais opções de pagamento a empresa oferece, maiores são as chances de vender mais!

Por isso, o Pix chegou com o objetivo de agregar e facilitar a vida do MEI!

O novo meio de pagamento instantâneo não substituiu nem excluiu os já existentes, mas sim foi lançado com a proposta de aumentar o leque de opções de pagamento das empresas.

E a ótima notícia é que o Pix possui grandes vantagens e foi desenvolvido para transformar a maneira como as pessoas e empresas movimentam dinheiro!

No caso das empresas, ao vender com Pix:

  • O dinheiro cai em até 10 segundos na conta da MEI;
  • Não é preciso se preocupar em andar com dinheiro vivo ou ter troco para os clientes;
  • Você pode vender online e também receber via Pix;
  • Basta cadastrar uma chave Pix (CNPJ MEI, número do celular, e-mail ou chave aleatória) e você já pode faturar mais;
  • Se você trabalha com mais de um produto, basta cadastrar uma chave para cada um e então controlar o quanto vende de cada. Ou seja, o vender com Pix te ajudar a controlar o caixa da empresa.

Aliás, falando em controle financeiro, aproveite e baixe agora mesmo a planilha de controle financeiro do MEI. É 100% Grátis e irá te ajudar a manter o seu negócio saudável!

planilha de controle financeiro

Afinal, é melhor vender com Pix, TED, boleto ou maquininha?

Como comentamos acima, um meio de pagamento não exclui o outro, afinal eles possuem suas vantagens e características individuais. Mas, para facilitar o entendimento sobre o Pix e o modo como ele se diferencia das opções mais “antigas” no mercado, fizemos um comparativo entre Pix, TED, boleto e maquininha de cartão.

Para isso, selecionamos as características dos produtos oferecidos pela MEI Fácil, a conta digital grátis feita para o microempreendedor individual. Confira o comparativo abaixo:

Como funciona o TED?

Para quem vai comprar (enviar): é necessário informar os dados do recebedor (banco, número da agência, número da conta e CNPJ da MEI).

Para quem vai vender (receber): quando feito entre 7:30 e 16 horas, em dias úteis, cai no mesmo dia. Caso contrário, cairá no próximo dia útil.

Disponibilidade do produto: apenas em dias úteis, das 7:30 às 16 horas.

Tarifas na MEI Fácil: 100% grátis.

Valores pode transação: Para recebimentos não possui limite. Para envio, o valor máximo é de R$ 10 mil. Para alterar este valor, basta solicitar no atendimento.

Como funciona o boleto de cobrança?

Para quem vai comprar (enviar): o pagamento pode ser feito pela internet, em casas lotéricas, banco parceiro, entre outras instituições conveniadas.

Para quem vai vender (receber): após o pagamento, o tempo de compensação bancária é de até três dias.

Disponibilidade do produto: o boleto de cobrança pode ser emitido todos os dias.

Tarifas na MEI Fácil: 100% grátis.

Valores pode transação: o limite é de R$ 8 mil.

Para entender mais sobre o boleto de cobrança, basta clicar aqui.

Como funciona o boleto de cobrança parcelado?

Na MEI Fácil, o microempreendedor pode emitir o boleto de cobrança parcelado em até 12 vezes.

Para quem vai comprar (enviar): o pagamento pode ser feito pela internet, em casas lotéricas, banco parceiro, entre outras instituições conveniadas.

Para quem vai vender (receber): após o pagamento, o tempo de compensação bancária é de até três dias.

Disponibilidade do produto: o boleto de cobrança pode ser emitido todos os dias.

Tarifas na MEI Fácil: 100% grátis.

Valores pode transação: o limite é de R$ 8 mil e cada boleto deve ter um valor mínimo de R$ 10.

Para entender mais sobre o boleto de cobrança parcelado, basta clicar aqui.

Como funciona a maquininha de cartão?

Acaba de chegar a Maquininha MEI Fácil em parceria com Zettle, feita para quem é MEI e com integração total à sua conta MEI Fácil! Não tem burocracia, não tem mensalidade e nem contrato de fidelização.

Para quem vai comprar (enviar): basta passar o cartão no débito, crédito à vista ou parcelado.

Para quem vai vender (receber): o MEI recebe em apenas 1 dia útil, o valor da compra na sua conta MEI Fácil.

Disponibilidade do produto: o MEI pode realizar vendas com sua maquininha de cartão todos os dias da semana, 24 horas por dia!

Tarifas na MEI Fácil:

  • No débito – 1,97% por venda paga;
  • No crédito à vista – 4,87% por venda paga;
  • No crédito parcelado – 4,87% + 1,99% por parcela;
  • Não possui taxa de aluguel ou adesão!

Valores pode transação:

  • Por transação – R$ 10 mil;
  • Diário – R$ 30 mil;
  • Mensal – Não há valor definido.

Como funciona o Pix?

Para quem vai comprar (enviar): basta ter a chave do vendedor (cadastrada ou aleatória).

Para quem vai vender (receber): em até 10 segundos, o dinheiro cai na conta do MEI.

Disponibilidade do produto: todos os dias da semana, incluindo sábado e domingo, 24 horas por dia.

Tarifas na MEI Fácil: 100% grátis.

Valores pode transação: para recebimentos, não há limite. Para envio, o valor máximo é de R$ 10 mil. Caso queira alterar este valor, basta solicitar no atendimento.

Pix para empresas: Como Funciona e Quais as Vantagens para o MEI?

vender com pix

Comparativo – Pix, TED, boleto e maquininha

Comece a vender com Pix agora mesmo!

Como você deve ter percebido acima, cada forma de pagamento possui suas características. No entanto, é importante destacar a rapidez e disponibilidade do Pix – em até 10 segundos o dinheiro está na conta da empresa, sendo possível realizar transferências todos os dias da semana, em qualquer horário.

E ai, decidiu se vale a pena vender com Pix na sua MEI?

Olhe o comparativo novamente, entenda como o Pix pode se encaixar nas vendas da sua empresa e conte a gente para fazer o seu negócio crescer!

vender com pix

Já conhece a MEI Fácil?

Se você ainda não tem sua conta MEI Fácil, que tal abrir uma e aproveitar todos os benefícios que ela tem a oferecer?

Com a nossa conta você tem acesso a todos os serviços dos bancos tradicionais, mas de forma digital e sem qualquer custo nas transações diárias.

Você pode vender e pagar contas com Pix, pedir a sua Maquininha de cartão, o cartão de crédito MEI Fácil e gerar boletos de cobrança, essenciais para o sucesso de uma MEI.

E mais: com a conta MEI Fácil é possível pagar fornecedores, receber de clientes e realizar transferências, tudo em um só lugar.

Para facilitar ainda mais a organização financeira da sua empresa, com a conta MEI Fácil você também tem maior controle sobre os seus gastos por meio da emissão de extratos e do registro do dinheiro que sai diretamente no aplicativo, o que evita surpresas no fim do mês.

Não perca tempo, abra a sua conta MEI Fácil agora mesmo! É só clicar aqui.

Inscreva-se na TV MEI Fácil e acompanhe as redes sociais para não perder nenhuma novidade: Instagram e Facebook.