Pix e boleto: como integrar os dois meios de pagamento?

7 minutos de leitura
carteira preta
Navegue pelo conteúdo

Já pensou em cobrar seu cliente no Pix e boleto ao mesmo tempo? Graças aos avanços no sistema de pagamentos instantâneo, isso é possível.

Embora estejamos falando sobre meios distintos, eles podem estar em um mesmo documento. A partir daí, é com o cliente: ele é quem decide como quer pagar.

E de um jeito ou de outro, você recebe os valores da venda diretamente na sua conta — até mesmo sem custos, como vamos ver neste texto.

Agora, se você acha que Pix no boleto é só para grandes empresas, está enganado. Esse serviço está disponível para todos os portes de negócios, incluindo o MEI.

Vamos ver como funciona?

Pix ou boleto: como seu negócio cobra os clientes?

Pix e boleto são duas formas de cobrar clientes que garantem o recebimento do dinheiro das vendas.

No entanto, esses dois meios de pagamento têm regras diferentes, e cabe a você decidir qual funciona melhor para o seu negócio.

É muito importante analisar os prós e contras de cada um, pois como você cobra seus clientes é decisiva para o sucesso do seu negócio.

Isso porque, hoje, os consumidores buscam conveniência, praticidade e segurança na hora de pagar por suas compras.

Logo, a empresa que diversifica seus meios de pagamento e oferece as opções mais utilizadas no mercado tende a se destacar da concorrência e se tornar mais competitiva.

Além de satisfazer as expectativas de seus clientes e aumentar suas chances de fidelização, você também precisa que os métodos de pagamento favoreçam as finanças da empresa e tenham os menores custos possíveis.

Por isso, vamos ajudar você a escolher entre Pix e boleto para otimizar a cobrança no seu negócio.

Quais os melhores meios de pagamento para o MEI?

Antes de entender como usar Pix e boleto juntos, vamos ver como eles funcionam separadamente.

Conheça detalhes sobre esses dois importantes meios de pagamento e saiba por que eles estão entre os melhores para o microempreendedor individual (MEI).

O que é boleto?

O boleto bancário é um título de cobrança emitido por bancos em nome da sua empresa que serve para cobrar seus clientes.

Ele deve conter os seguintes dados:

  • Dados do boleto: valor, prazo de vencimento do boleto, informação do produto ou serviço adquirido e eventuais juros e multa por atraso;
  • Dados do emissor (beneficiário): nome completo e CNPJ ou CPF de quem irá receber o valor;
  • Dados do pagador: nome e CNPJ ou CPF.

Dessa forma, você emite o boleto bancário, envia ao cliente e aguarda o pagamento.

Quando o consumidor faz o pagamento, o dinheiro cai na sua conta bancária após um prazo de compensação de até 3 dias úteis.

Com a conta MEI Fácil por Neon, por exemplo, você consegue emitir boletos gratuitamente para cobrar seus clientes.

Veja como emitir um boleto de cobrança facilmente pelo app MEI Fácil por Neon.

O que é Pix?

Pix é o sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central lançado em 2020, que permite transações em até 10 segundos, com funcionamento 24 horas por dia, 7 dias por semana.

O Pix realiza transações a partir de chaves que identificam o usuário, podendo ser seu CPF ou CNPJ, e-mail, telefone ou chave aleatória (sequência única de letras e números).

O sistema logo caiu nas graças do brasileiro. Tanto que, segundo informações da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), 71% das pessoas no país já usam o Pix.

Tal sucesso se deve à rapidez para fazer pagamentos e transferências e à gratuidade das transações, válida para pessoas físicas, mas que se estende a empreendedores conforme seu banco ou fintech.

Aproveite e conheça as vantagens do Pix para empresas!

O que é Pix Cobrança?

O Pix Cobrança é uma modalidade do Pix que permite gerar um QR Code para cobrar clientes em uma data de vencimento futura.

Logo, ele funciona como uma alternativa aos boletos de cobrança, uma vez que é possível programar o pagamento e incluir condições como multas, juros e descontos.

Ao emitir um Pix Cobrança, é preciso informar os seguintes dados:

  • O valor a ser pago;
  • A data de vencimento;
  • Os juros, descontos e multas (se existirem).

Dessa forma, basta enviar o QR Code ao cliente e aguardar o pagamento.

Assim que o consumidor pagar o Pix, você receberá instantaneamente o dinheiro na conta da sua empresa.

Vantagens e desvantagens do boleto bancário e do Pix

Pix e boleto são duas formas de pagamento e, como tal, há razões para usar um ou outro.

Veja uma comparação para escolher qual vale mais a pena.

Prós e contras do Pix

Vamos começar pelas vantagens que o Pix oferece para o MEI:

  • Recebimento mais rápido, uma vez que as transações são efetuadas em até 10 segundos (não é preciso aguardar o prazo de compensação bancária, como ocorre com os boletos);
  • Possibilidade de agendar uma data de vencimento futura com um QR Code do Pix Cobrança, da mesma forma feito com boletos;
  • Maior disponibilidade do serviço de pagamento, já que o cliente pode pagar o QR Code a qualquer dia da semana e horário;
  • Taxas menores do que as cobradas pela emissão de boleto ou até mesmo inexistentes, dependendo da instituição na qual o MEI possui conta — veja quando o Pix PJ pode ser cobrado;
  • Segurança no pagamento realizado por QR Code dinâmico, uma vez que o código da transação é único;
  • Mais facilidade na conferência do pagamento e conciliação bancária, já que o MEI recebe uma notificação assim que o QR Code é pago pelo cliente.

Por outro lado, o Pix tem alguns pontos a observar:

  • É um meio digital, que depende de chaves cadastradas e não pode ser impresso, como no boleto bancário;
  • Risco de golpes com Pix na internet;
  • Dificuldade em alcançar uma parte da população que ainda não tem acesso aos meios de pagamentos digitais.

Veja aqui se vale a pena vender com Pix na sua MEI.

Prós e contras do boleto bancário

Agora, vamos conferir quais são os benefícios de cobrar clientes com boleto bancário:

  • Acessibilidade, já que qualquer pessoa pode pagar um boleto em uma lotérica ou caixa eletrônico, sem precisar de uma conta corrente ou acesso à internet;
  • Oferta do meio de pagamento mais tradicional do país, que ainda é o preferido de algumas pessoas;
  • Possibilidade de vender parcelado no boleto com cobranças mensais em até 12 vezes;
  • Segurança nos pagamentos, uma vez que os boletos são registrados e identificados pelo código de barras;
  • Possibilidade de receber o valor diretamente na conta da empresa após o prazo de compensação.

Já estas são as desvantagens de cobrar com boleto:

  • Demora no recebimento do pagamento devido ao prazo de compensação bancária de até 3 dias úteis;
  • Custos superiores da emissão de boletos, que gira entre R$ 3 e R$ 8 nos grandes bancos (mas há opções gratuitas, como a conta MEI Fácil por Neon);
  • Maior dificuldade para acompanhar o pagamento dos títulos, pois não há uma notificação imediata.

Como receber com Pix no boleto?

Antes de saber como receber com Pix no boleto, é importante que você tenha claro que são meios de cobrança distintos.

O boleto bancário é muito tradicional no país, existe há muitos anos, mas agora tem uma novidade: a opção de pagamento por Pix.

Isso se dá por meio de um QR Code de cobrança, que fica impresso próximo ao código de barras do documento e que direciona o pagador a uma transferência digital pelo Pix.

E, quando falamos em Pix, estamos nos referindo a um sistema de pagamentos instantâneos lançado em 2020 e disponível 24 horas por dia, todos os dias da semana.

Unindo esses dois meios de pagamento, temos o boleto híbrido ou Pix Cobrança, como é chamado o documento que possui código de barras mais o QR Code.

Então, quer saber como usar e receber com Pix no boleto? É muito fácil! Na sequência, vamos ensinar o passo a passo da operação. Desde já, saiba que tudo é feito pelo aplicativo do seu banco, na área Pix.

O que você vai fazer é gerar um QR Code de Pix Cobrança que será compartilhado posteriormente com o cliente junto ao boleto.

Então, com o documento em mãos, ele terá duas alternativas: pagar com o código de barras ou com o Pix através do código QR.

Se optar pela primeira, o valor pode demorar até 3 dias para cair na sua conta. Já se pagar pelo Pix, o dinheiro cai na hora na sua conta PJ.

Como funciona o pagamento por Pix Cobrança da MEI Fácil por Neon?

Na MEI Fácil por Neon, 77% dos clientes não gostam de ter que esperar 2 dias úteis para a validação de um boleto.

Por isso, a opção pelo Pix Cobrança é cada vez maior entre nossos empreendedores.

Veja como funciona essa modalidade na MEI Fácil por Neon e aprenda a usar Pix e boleto de forma integrada.

1. O MEI gera o QR Code da venda

No app MEI Fácil por Neon, o MEI consegue gerar o QR Code do Pix Cobrança pelo celular em poucos passos.

Basta informar o valor da venda, a data de vencimento e incluir dados opcionais como juros e multas por atraso ou descontos.

Você pode emitir um QR Code para pagamento imediato ou agendar para uma data futura, conforme acordado com o cliente.

2. O MEI compartilha o QR Code

Com o QR Code do Pix Cobrança criado, o MEI só precisa compartilhar o código com o cliente por e-mail ou WhatsApp.

Então, o consumidor deverá escanear o código ou usar a função “Pix Copia e Cola” para efetuar o pagamento em seu app bancário ou internet banking.

3. O cliente é notificado até o pagamento

Após a criação do QR Code, a régua de cobrança é disparada automaticamente, ou seja, o próprio sistema envia mensagens de lembrete de pagamento e vencimento ao cliente.

Isso ajuda a combater a inadimplência, pois o consumidor é lembrado continuamente sobre o pagamento e alertado sobre atrasos.

4. O MEI acompanha de perto o pagamento

Uma das grandes vantagens do Pix Cobrança na MEI Fácil por Neon é que o empreendedor pode acompanhar os pagamentos diretamente pelo aplicativo.

Além dos e-mails de cobrança enviados ao cliente, o sistema também notifica o MEI assim que o QR Code é pago, o que facilita manter o controle das finanças e monitorar cada entrada e saída do caixa.

Afinal, vale a pena receber com o Pix Cobrança?

Sim, vale muito a pena receber pelo Pix Cobrança. A primeira grande vantagem, como vimos ao longo do texto, é poder oferecer ao cliente a opção de usar seu meio de pagamento preferido.

Inclusive, esse pode ser um argumento decisivo para fechar uma venda.

Quando ele perguntar se você pode receber no Pix e enviar uma fatura para ele pagar, entra em cena o Pix Cobrança com seu QR Code prático e fácil.

Com isso, você garante a satisfação do seu cliente, aumentando as chances de fidelizá-lo.

Outra vantagem é que o dinheiro fica disponível na hora na sua conta, enquanto no pagamento no boleto, ele pode demorar até 3 dias para cair.

Além disso, o serviço do Pix está disponível 24 horas por dia, todos os dias da semana, isso sem falar que oferece muito mais comodidade, segurança e agilidade para quem recebe e quem paga.

Viu como Pix e boleto são formas de pagamentos distintas, mas que podem trabalhar juntos para melhorar os resultados do seu negócio?

Se você ainda não tem uma conta exclusiva para sua empresa MEI, baixe agora nosso aplicativo MEI Fácil por Neon e abra a sua conta gratuitamente.

Banner com CTA para abrir a conta MEI Fácil por Neon

Inscreva-se também na TV MEI Fácil e acompanhe as redes sociais para não perder nenhuma novidade: Instagram e Facebook.

Este artigo foi útil?
Nota Média: 0 | Votos: 0
Tags:
Vale a pena ler