Atualizado em 07 de outubro de 2021

Você já ouviu falar em digitalização de empresas?

São diversas as vantagens oferecidas pelas ferramentas digitais. Atualmente, investir na divulgação de empresa MEI online abre espaço para oportunidades de crescimento do negócio. Vender e otimizar processos pela internet pode inclusive auxiliar nas finanças do empreendimento.

Quem é MEI pode enfrentar desafios financeiros, especialmente em momentos de crise. Uma saída encontrada por muitos, durante a pandemia, foi a venda online.

Através desse novo modelo de negócio, profissionais autônomos puderam manter sua renda e alcançar mais pessoas com segurança.

Além disso, com as ferramentas digitais, como as redes sociais, a divulgação de empresa acontece facilmente, sem grandes custos.

O ramo virtual também traz vantagens no período após a crise. Afinal, você poderá colocar em prática novas ideias e estratégias para expandir o seu negócio no mundo pós-pandemia.

Por que digitalizar a sua MEI?

Empresas que usam ferramentas digitais têm uma melhor relação com as finanças.

Em uma pesquisa feita pelo Sebrae e Fundação Getúlio Vargas (FGV) em Agosto/2020, foi apontado que os pequenos negócios que não possuem dívidas em aberto apresentam algumas características notáveis:

  • 53% desses negócios já realizavam vendas pelas redes sociais antes da pandemia;
  • O uso de ferramentas digitais para gestão do negócio.

Ou seja, utilizar as plataformas digitais para venda e divulgação de empresa pode estar relacionado a uma saúde financeira mais estável. Afinal, os custos para manter uma loja ou estabelecimento físico são altos, causando dívidas para empreendedores a longo prazo.

Durante a pandemia, MEIs e outros trabalhadores informais tiveram que recorrer a novas estratégias para manter a empresa funcionando.

Vender online, implementar delivery e atendimento com hora marcada são alguns exemplos do que tem sido feito nos últimos meses.

Dito isso, o levantamento feito mostra que, entre os meses de Junho e Julho de 2020, o percentual de empresários com dívidas atrasadas passou de 40% para 36%.

Já a proporção de empreendimentos com as finanças em dia aumentou, de 28% para 33%.

Outro dado importante da pesquisa diz que entre as pequenas empresas, 36% têm dívidas em atraso, 33% têm dívidas em dia e 31% não têm dívidas.

Durante a crise, 18% das empresas que não utilizavam plataformas digitais em sua estratégia de vendas – e ocupam a maior porcentagem das dívidas em atraso – passaram a vender nas redes sociais.

Veja como fazer um planejamento financeiro empresarial para sua MEI

Aproveite e conheça nossa planilha de controle financeiro MEI. Ela é gratuita e te ajuda a manter a saúde do seu negócio.

planilha de gastos mei

Retomada da economia

O cenário, apesar da crise, traz esperança e otimismo para os donos do próprio negócio.

Mesmo com a retomada gradual das atividades, o segmento virtual deve permanecer como uma alternativa acessível para aumentar volume de vendas e cartela de clientes.

Segundo pesquisas, vendas no e-commerce têm alta de 57,4% em comparação ao mesmo período de 2020.

Por onde começar a digitalização de empresas?

Agora, por onde começar a fazer a digitalização da sua MEI? Vem conferir essas dicas:

Como vender online

Para anunciar seus produtos e serviços na internet, não será necessário um grande investimento inicial. Aproveite essa facilidade para investir em novos materiais, cursos e outros diferenciais para atrair mais clientes até seu negócio.

Já se sabe que o e-commerce é uma oportunidade após a pandemia. O crescimento registrado desse segmento foi de impressionantes 40%, segundo o Relatório E-commerce no Brasil, da Conversion.

Vestuário, alimentos, eletroeletrônicos e calçados, fora serviços como aulas online e até dublagem são algumas das possibilidades de se aventurar nas vendas online.

Você pode vender online pelas redes sociais, como pelo F-commerce (e-commerce do Facebook), através de um marketplace (que vamos comentar no próximo tópico) ou criando o seu próprio site!

Veja como vender online pelo Instagram aqui!

No vídeo a seguir, conheça importantes dicas para começar um negócio on-line:

Vender online em marketplaces

Nos dias de hoje, é possível vender produtos pela internet em plataformas já existentes. Marketplace são sites já conhecidos do público consumidor, onde é possível você conseguir um espaço para seu pequeno negócio.

Com isso, a sua loja ganhará muito mais visibilidade se hospedada em um desses sites, com isso as oportunidades de aumentar seu lucro no final do mês crescem bastante.

Há também outras plataformas, voltadas para serviços, além da possibilidade de divulgar vouchers e promoções para seus clientes virtualmente. Em meio a tantas opções, com certeza você irá encontrar aquela que mais combina com o seu negócio!

Vendas online para MEI: onde anunciar produtos e serviços

Como fazer a divulgação de uma empresa

Não sabe por onde começar a divulgar sua marca do zero? Então papel e caneta na mão para anotar todas essas dicas!

MEI Fácil: soluções práticas para você empreender

A parceira do microempreendedor traz conteúdo voltado para empreendedorismo e finanças, além de suporte para lidar com burocracias referentes ao MEI.

Acompanhe as redes sociais para saber mais e não perder nenhuma atualização: Instagram, Youtube e Facebook.