Se você trabalha prestando serviços no setor elétrico como profissional autônomo, confira agora todas as vantagens de se tornar um eletricista MEI, além do passo a passo para colocar a sua empresa de pé!

A profissão de eletricista é uma das que mais crescem no país, principalmente porque está intimamente ligada ao setor de construção civil, cuja expectativa de crescimento está na casa dos 4% para 2021.

O eletricista pode atuar em diversas áreas como reformas, construção predial residencial e comercial, obras de todos os portes, trabalhos em residências, empresas e também com a manutenção predial elétrica. Ou seja, é uma profissão bastante versátil.

Mas, para aproveitar as oportunidades é preciso formalizar o negócio, assim o profissional consegue emitir nota fiscal, prestar serviços para o Governo e muito mais!

Então venha com a gente e descubra agora como se tornar um eletricista MEI!

Eletricista pode ser MEI?

Sim, o eletricista está entre as 466 atividades permitidas para o regime de microempresa individual. Contudo, o profissional que busca se formalizar como eletricista MEI precisa ficar atento na hora de selecionar a classificação correta da categoria.

Confira aqui a lista de todas as atividades que podem ter CNPJ MEI em 2021

Para se enquadrar na categoria de MEI, o trabalhador deve selecionar como atividade principal o CNAE 4321-5/00.

As ocupações presentes dentro do CNAE 4321-5/00 são:

  • Eletricista em residências e estabelecimentos comerciais;
  • Instalador(a) de antenas de TV;
  • Instalador(a) de equipamentos de segurança domiciliar e empresarial, sem prestação de serviços de vigilância e segurança.

Elas estão inseridas na descrição da subclasse de Instalação e Manutenção Elétrica e, como MEI, não pagam o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), mas pagam o ISS (Imposto sobre serviço).

A contribuição mensal da categoria referente ao eletricista MEI, também conhecida como boleto DAS, corresponde à R$ 60,00. Abaixo você confere como esse valor é formado:

Eletricista MEI, profissional prestador de serviços – (R$55,00 de INSS + R$5,00 de ISS) = R$ 60,00.

Eletricista MEI: Quais são as atividades permitidas?

A atividade do CNAE 4321-5/00 é representada pela instalação, alteração, manutenção e reparo em construções que possuem:

  • Sistemas de eletricidade (cabos de qualquer tensão, fiação, materiais elétricos, etc.);
  • Cabos para instalações telefônicas e de comunicações;
  • Cabos para redes de informática e televisão a cabo, inclusive por fibra óptica;
  • Antenas coletivas, parabólicas e para-raios;
  • Sistemas de iluminação;
  • Sistemas de alarme contra incêndio e roubo;
  • Sistemas de controle eletrônico e automação predial.

É importante ressaltar que, caso você esteja buscando formalizar seu serviço de eletricista MEI com foco na área automotiva, o código e atividades são diferentes. Para isso, é preciso selecionar o CNAE 4520-0/03, referente à atividade de eletricista de automóveis e subclasse Serviços de Manutenção e Reparação Elétrica de Veículos Automotores.

Aproveite e confira abaixo um vídeo que elaboramos com várias dicas para profissionais de manutenção, inclusive eletricistas:

Quais as vantagens de se tornar um eletricista MEI?

Muitos eletricistas autônomos precisam emitir nota fiscal por um trabalho realizado e então encontram problemas, pois não são profissionais formalizados. É ai que a abertura de um CNPJ como eletricista MEI facilita, e muito, a prestação de serviços.

A categoria MEI corresponde ao tipo de CNPJ mais simples e rápido de ser aberto, além de ser o mais barato. Em poucos minutos, pelo aplicativo da MEI Fácil, é possível se formalizar como eletricista MEI.

Após abrir a sua microempresa individual e pagar o boleto DAS mensal (no valor de R$ 60,00, como comentado acima), o eletricista MEI contribui para ter direito à uma série de benefícios previdenciários e do INSS – auxílio doença, salário maternidade, aposentadoria, pensão por morte, entre outros.

E as facilidades não param por aí! Ao se formalizar como MEI, o profissional eletricista, consegue:

Por outro lado, o eletricista MEI precisa ficar atento à alguns requisitos obrigatórios da categoria:

  • Faturar até R$ 81 mil por ano;
  • Não pode ser sócio de outra empresa;
  • Pode contratar apenas um funcionário;
  • Deve pagar, no dia 20 de cada mês, seu boleto DAS para manter-se em dia com o Governo;
  • Fazer a declaração anual do MEI, chamada de DASn Simei (Declaração Anual do Simples Nacional do MEI).

Quanto custa abrir uma MEI?

Abrir uma MEI é 100% Grátis! Isso mesmo, você não paga nada para formalizar o seu negócio. Demais, né?

Como abrir uma MEI? Confira o passo a passo

Além de você não pagar nada para se tornar um eletricista MEI e formalizar o seu negócio, tornar-se um microempreendedor individual leva apenas alguns minutos.

Para abrir a sua empresa agora mesmo, tenha o seu celular em mãos, clique aqui para baixar o aplicativo MEI Fácil e siga o passo a passo abaixo:

1) Insira seus dados pessoais;

2) Insira os dados do negócio;

3) O endereço de onde será a MEI;

4) Último passo: Verificação final – Basta digitar o número do recibo da sua declaração do imposto de renda ou, caso você não tenha declarado, é só inserir o número do seu título de eleitor.

Confira um vídeo abaixo e veja como abrir uma MEI:

 

Viu como é fácil e vantajoso formalizar o seu negócio como eletricista MEI? Agora só depende de você! Abra a sua microempresa individual e trabalhe com mais tranquilidade.

Já conhece a MEI Fácil?

Se você ainda não tem sua conta MEI Fácil, que tal abrir uma e aproveitar todos os benefícios que ela tem a oferecer?

Com a nossa conta você tem acesso a todos os serviços dos bancos tradicionais, mas de forma digital e sem qualquer custo nas transações diárias.

Você pode pedir a sua Maquininha de cartão, o cartão de crédito MEI Fácil e gerar boletos de cobrança, essenciais para o sucesso de uma MEI.

E mais: com a conta MEI Fácil é possível pagar fornecedores, receber de clientes e realizar transferências, tudo em um só lugar.

Para facilitar ainda mais a organização financeira da sua empresa, com a conta MEI Fácil você também tem maior controle sobre os seus gastos por meio da emissão de extratos e do registro do dinheiro que sai diretamente no aplicativo, o que evita surpresas no fim do mês.

Não perca tempo, abra a sua conta MEI Fácil agora mesmo! É só clicar aqui.

Inscreva-se na TV MEI Fácil e acompanhe as redes sociais para não perder nenhuma novidade: Instagram e Facebook.