Quem nunca pensou em ter um negócio próprio e trabalhar de forma autônoma? O CNPJ MEI possibilita que milhões de brasileiros possam ser donos de seus negócios, com as mais diversas ocupações. E um dos objetivos mais comuns de quem deseja empreender é ter um estabelecimento comercial. Quer saber como montar uma loja? Confira a nossa matéria de hoje!

Sou MEI: Como montar uma loja? 

Se você possui MEI e tem vontade de montar uma loja, a hora chegou! Nesse post, você poderá encontrar orientações para dar os primeiros passos, além de informações sobre as burocracias envolvidas e principalmente, as finanças. Montar uma loja pode parecer desafiador a princípio, mas tudo é possível com muito planejamento. Vamos lá?

Caso você ainda não possua um CNPJ, não se preocupe. Ser MEI é fácil, empreender que é o desafio 😉 Para abrir o seu CNPJ de graça, basta baixar o App MEI Fácil na Play Store ou entrar no Portal do Empreendedor.

Agora, conheça nossas dicas valiosas e saiba como montar uma loja.

1 – Como abrir uma loja: Será que vai dar certo? 

É comum se sentir inseguro ao abrir um novo negócio. Ou acabar elevando as expectativas demais e investir muito no início, sem grandes certezas se a sua ideia vale a pena ou não. Para encontrar um meio termo e assim aumentar suas chances de sucesso, você pode testar se o seu serviço ou produto tem apelo comercial.

Como assim? 

Isso mesmo, você pode testar a sua ideia antes de gastar todas as suas economias nesse novo projeto. Assim, você pode descobrir se seus clientes irão ou não gostar do seu negócio, antes de estabelecer sua loja em um espaço físico.

Abaixo, confira o episódio 1 da série “Como abrir uma loja” com todos as dicas para você testar a sua ideia de negócio: 

Os exemplos abaixo irão te ajudar a entender melhor como esse teste funciona:

  • Se você quer abrir um pequeno restaurante, teste sua ideia fazendo comida em casa e vendendo marmitas por encomenda. Essa é uma ótima forma de conhecer o gosto da sua clientela e aprender como montar uma loja ou estabelecimento de alimentação;
  • Já para quem quer vender roupas, a dica é comprar por atacado, divulgar para amigos nas redes sociais e vender porta a porta ou online. Se a demanda for boa, pode ser que ter uma loja de roupas funcione bem, certo?
  • Quer ter um salão de beleza? Que tal começar atendendo à domicílio ou até mesmo na sua casa antes de abrir um salão? Saiba o que funciona antes de dar os próximos passos.

Existem vários exemplos que podem te ajudar a testar suas ideias antes de abrir um ponto fixo. Essa estratégia funciona como uma segurança a mais. Assim, você pode inaugurar sua loja sabendo que existem grandes chances de dar certo.

2 – Minha ideia funciona! Qual é o próximo passo? 

Após testar suas ideias, o grande foco será no PLANEJAMENTO da sua loja. Muito além do tipo de produto que será ofertado e seu preço, planejar uma loja envolve questões logísticas, burocráticas e financeiras.

Assista agora ao episódio 2 da série “Como abrir uma loja”, que irá te ajudar nessa etapa tão importante de planejamento:

Abaixo, conheça mais detalhes sobre cada uma das etapas:

1) Logística: Qual será a localização da sua loja?

Escolher uma boa localização é fundamental. Isso não significa que você precisa encontrar um espaço em um bairro fora do seu orçamento ou muito distante. A questão principal dessa etapa é saber se o local escolhido tem um bom fluxo de pessoas. Locais mais movimentados podem ter um aluguel maior, mas também podem ajudar no sucesso do seu estabelecimento. É possível encontrar um equilíbrio.

A localização influencia muito na logística da sua loja. Imagine que você irá oferecer serviços de entrega para seus clientes, ou que diversos fornecedores precisem visitá-la com frequência. Em todos os casos, a localização fará toda a diferença.

Para saber se um local vale a pena, visite a região em diferentes momentos do dia. Passe algumas horas por lá para descobrir quantas pessoas costumam passar por lá.

Além de escolher um bom ponto para sua loja, preste atenção à concorrência. Se existem muitos estabelecimentos similares ao seu na mesma região, pode ser melhor encontrar outro local. Também existe a opção de encontrar seu diferencial e oferecer um produto ou serviço competitivo e acima da média.

2) Fique atento à burocracia!

Além da formalização do seu negócio com o CNPJ MEI, existem mais passos relacionados a burocracia e regulamentação da sua loja.

Você pode precisar de alguns Alvarás de Funcionamento, como o de Bombeiros e da Vigilância Sanitária, quando há manuseio de alimentos envolvidos em seu negócio.

Para saber mais sobre Alvará para MEI, clique aqui. De qualquer forma, como o processo de regulamentação varia de cidade para cidade, é recomendado que você procure a prefeitura.

Essa etapa é de extrema importância. Estar em dia com o seu estabelecimento impedirá que situações desagradáveis aconteçam e que você corra o risco de perder o seu espaço.

3) Como montar uma loja: Quais gastos vou ter?

MEI, fique atento, pois os gastos vão além do aluguel do espaço. No início, pode ser um pouco complicado listar todos os gastos. Muitos surgem de forma imprevista. Entretanto, é possível ter uma estimativa de gastos. Confira abaixo as orientações:

  • Investimentos iniciais: Aqui são contabilizados todos os custos necessários para fazer seu negócio funcionar. Gastos com estruturas e equipamentos, por exemplo. Apesar de ser um valor geralmente alto, a boa notícia é que muitas coisas só precisam ser compradas uma vez;
  • Custos do dia a dia: Depois de montar o ponto, considere os gastos do dia a dia.  Isso inclui custo com mercadorias, estoque, salário do funcionário, contas, limpezas, entre outros.
  • Divulgação: Como o seu espaço será novo, uma boa divulgação será necessária. Seja através de panfletos e cartões de visita ou pagando serviços de marketing digital para divulgação nas redes sociais, esse gasto também precisa ser contabilizado.

Esses são apenas alguns dos gastos, que servem para você ter uma estimativa dos custos e assim definir o preço final do seu serviço ou produto. Se você quer mais dicas sobre precificação de produto, basta clicar aqui.

3 – Prepare-se para a inauguração da sua loja

Após descobrir como montar uma loja, chegou aquele momento tão esperado: a inauguração! Depois de descobrir como montar sua loja, planejar muito e tomar as melhores decisões, cuide de cada detalhe da inauguração para começar seu negócio com o pé direito.

1) Cuide do visual da sua loja

Saiba que ter uma loja física é uma divulgação por si só.Capriche na fachada e observe cada detalhe para que a identidade do espaço faça sentido junto ao produto. Além disso, cheque a limpeza, que deverá ser impecável. Sorriso no rosto e vamos vender!

2) Campanha nas redes sociais

Como as pessoas ainda não conhecem o seu negócio, vale a pena divulgar nas redes sociais e assim começar a atrair seus clientes. Conte com seus amigos e familiares para te auxiliar nesse momento e prestigiar seu caminho rumo a um empreendimento de sucesso.

3) Faça um evento de inauguração

Caso tenha sobrado algum dinheiro dos investimentos iniciais, organize um evento de inauguração para sua loja. É uma grande oportunidade para mais pessoas conhecerem a sua loja. O melhor é que não precisa de nada sofisticado. Uma palestra ou apresentação, dinâmicas, sorteios, junto de um café e uma boa decoração, cumprem esse papel.

4) Faça uma promoção de lançamento

Fazer uma promoção de lançamento também tem muito a agregar ao seu negócio. Basta escolher um produto ou serviço, colocar um desconto considerável e assim atrair mais pessoas para conhecerem a sua loja. Da mesma forma, isso pode ajudar a fidelizar os primeiros clientes. Apenas tome cuidado para não ficar no prejuízo por conta de qualquer promoção.

5) Valorize a opinião do cliente

Perguntar o que o cliente achou após a primeira visita à sua loja pode trazer direcionamentos importantes. Saiba quais são os ajustes necessários e busque sempre melhorar. Você pode conversar diretamente com os clientes, no dia da inauguração, ou colher essas informações através de uma rápida pesquisa, em papel ou em formulário online, disponibilizado em tablet, por exemplo.

Nossa, mas será que vale a pena abrir uma loja física? 

Se você concluiu que sim, seja bem-vindo ao mundo dos lojistas! Caso você ainda se sinta inseguro, se prepare um pouco mais e tente daqui um tempo. Você já sabe como montar uma loja! O segredo é saber se planejar e descobrir como encantar os clientes. Desistir de ter a sua própria loja? Jamais 😀 Conte com a MEI Fácil para superar os desafios.

Acompanhe a gente nas redes sociais para não perder nenhuma dica para o MEI: Instagram e Facebook.