Se você trabalha como autônomo informal e acredita que a formalização como Microempreendedor Individual (MEI) vai lhe fazer perder dinheiro, está enganado. Pelo contrário, a formalização é só o início da jornada para que você venda mais e dê o primeiro impulso no seu negócio.

Claro que, ao pensar em abrir empresa, você já imagina que o investimento pode ser alto. Mas, na verdade, os trâmites para obter um CNPJ MEI são bem mais simples do que em outras categorias de empresas, e a formalização é gratuita.

Seu faturamento com a formalização será muito maior do que as despesas iniciais, já que a abertura do MEI é gratuita. Ao formalizar seu negócio, você encontrará oportunidades para que você conquiste mais clientes e venda mais.

Você duvida? Veja algumas vantagens de ser formalizado como MEI:

Formalize-se e venda mais: veja os detalhes de cada uma das vantagens

Participar de licitação pública

Essa é uma das grandes vantagens após a formalização como MEI. Isso significa que o governo vai poder comprar de sua empresa com um contrato assinado e um prazo para cumprimento, pois você poderá emitir nota fiscal. Esse prazo de contrato pode ser até mesmo de quatro anos, período em que dura um mandato.

Ou seja, o CNPJ MEI possibilita que você venda mais, atendendo ao governo, já que sendo um autônomo informal, você não teria essa chance!

Inserir produtos em plataformas digitais

A internet domina quase tudo o que fazemos hoje em dia e o comércio nesse ambiente cresce cada vez mais. Por isso, as vendas online são outro motivo para que você venda mais ao abrir MEI.

Você pode expor seus produtos em plataformas digitais de comercialização e expandir seu negócio. Todo o processo de venda, da exposição do produto/oferecimento do serviço ao recebimento do pagamento, é feito neste ambiente.

Já falamos aqui no blog sobre as vantagens de ter uma loja virtual. Além de ser fácil, é inovador, tanto para você como empresário, quanto para o seu cliente, que terá a opção de comprar online.

Vender para outras empresas

O comércio diretamente com outras empresas também é uma ótima oportunidade para que você venda mais como MEI, já que além de vender para o consumidor final (pessoa física), você também poderá prestar serviços ou vender para outra empresa, atendendo pedidos em grande escala.

Para isso acontecer você precisará emitir nota fiscal, o que não ocorre sem o CNPJ MEI. A nota fiscal é um dos principais motivos para dar credibilidade a você junto ao mercado. É isso que vai lhe abrir as portas para cada vez mais empresas, com a possibilidade de formalizar um contrato de prestação de serviços por exemplo.

Ter mais de uma atividade

Você não ficará preso a apenas uma atividade. A vantagem de ser MEI é que você poderá ter 16 atividades registradas, sendo uma como principal e 15 como secundárias. Essa também é uma forma de vender mais.

Mas como?

Se você trabalha com vendas de um modo geral, poderá se cadastrar como, por exemplo: comerciante de armarinho, comerciante de artigos de bebê, comerciante de artigos de caça e pesca, entre outros.

Essas atividades, tanto podem ser da mesma área ou não, e você pode emitir nota fiscal separadamente para cada uma dessas atividades. É importante lembrar que você pode precisar de algum tipo de alvará de funcionamento, de acordo com os riscos e regras da atividade exercida.

Assista ao vídeo: os sócios da MEI Fácil falam sobre as vantagens de ter o CNPJ MEI no Brasil

Viu como vale a pena se formalizar como MEI para que você venda mais? Acesse o site da MEI Fácil e abra seu CNPJ MEI gratuitamente!

Fique por dentro das novidades no nosso facebook e instagram.