Para quem trabalha de forma autônoma, executa atividades sozinho e possui rendimentos anuais de até 81 mil reais, a inscrição e formalização como Microempreendedor Individual (MEI) traz uma série de vantagens.

Uma das principais vantagens é que você consegue formalizar seu trabalho e obter um CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas), Inscrição Estadual e Inscrição Municipal. Estas inscrições cadastrais podem parecem não ser tão relevantes, mas conferem a formalização da condição de empreendedor e com ela, você pode realizar a abertura de conta bancária e a obtenção de empréstimos, fundamentais para qualquer atividade empresarial ou até mesmo descontos de até 30% na compra de veículo para exercer sua profissão.